Entrevista com Sabrina de Paula


Olá, pessoal!

Estou tão em falta com o nosso blog, que preciso pedir desculpas para vocês. Mas o Instagram está sempre atualizado, assim como a nossa página no Facebook e o Snapchat também. Blog, prometo não te deixar mais, pelo menos um post por semana, ok? Então, vamos lá!

Hoje vou postar uma entrevista muito bacana que eu fiz com a Sabrina de Paula. Sabrina resolveu compartilhar conosco todas as suas experiências e sensações da sua primeira gravidez. Achei um assunto bem bacana para ser abordado aqui, afinal, falamos de tudo.

PS: A Maria Carol já nasceu, é linda e a Sabrina virou uma super mãe! Mesmo assim, vamos manter o conteúdo da entrevista de como ela se sentia e qual era a visão dela, antes da sua filhota chegar ao mundo, ok?

Adorei as respostas e espero que gostem também. Simbora?

Quem é?



Sabrina de Paula, 24 anos, mora no Rio de Janeiro. É casada, mora com o marido há 2 anos, mas são 7 anos de relacionamento. Atualmente cursa Publicidade e trabalha na TV Globo. Sabrina também é blogueira (por amor). O blog dela fala de diversos assuntos, inclusive o tema "vida de Mãe"! Pra quem quiser acessar e conhecer melhor o endereço é: www.sabrinadepaula.com.br. Sabrina também é mãe de um fofíssimo bulldog francês, o lindão Zé Alfredo.

Vamos para as perguntas?

1- Sa, você está grávida e será mamãe de primeira viagem. Essa gravidez foi planejada ou foi meio sem querer?

Então, essa gravidez não foi planejada, fomos todos pegos de "surpresa", porque as aspas? Eu engravidei em Julho de 2015, em Maio eu fui passar férias em Salvador e como sempre, fui jogar búzios. Chegando lá, apareceu que eu iria engravidar até o final do ano, achei uma coisa surreal, porque anos tomando remédio, com a mesma pessoa, até então não tinha engravidado, porque apareceu e justo naquele ano, onde eu não tinha nem me programado, sabe, não levei "fé". E aí estou, no aguardo da minha Maria e ansiosa demais, rs.

2- Como você começou a desconfiar que estava grávida? Quais foram os primeiros sintomas estranhos que você sentiu?

Eu senti os mesmos sintomas como se a "visita mensal" estivesse para vir, todos, sendo que um desses sintomas veio mais intenso, meus seios doíam muito, era uma coisa absurda, até no banho a água do chuveiro batia eu não aguentava de tanta dor. Os dias foram passando, passando e nada da "visita" chegar, foi aí que resolvemos fazer o exame de sangue. E, POSITIVÍSSIMO! =)


3- Quanto tempo demorou para cair a ficha que dentro de você existia uma nova vida? Como foi esse processo de amadurecimento?

Então, a ficha ainda está caindo, cada mexida, cada vez que olho pra minha barriga crescendo e crescendo fico admirando, conversando com Deus, com a Maria e falando: Tem uma criança, um bebê aqui dentro, gente, isso é difícil de acreditar. A ficha só vai cair 100% quando eu olhar pro rostinho dela. A parte do amadurecimento pelo menos nessa fase de gestação é automática, parece que liga um botão e você acorda assim, tipo: agora estou gerando uma criança, sou Mãe! Pronto! Tudo que a gente faz é pensando nela, tudo pra ela, algumas atitudes eu mudei pensando: se a minha filha estivesse aqui eu não faria assim, eu agiria dessa forma, então vou fazer diferente. Chega ser engraçado, porque eu amadureci de uma hora pra outra, mas também não vou dizer que foi 100%, ainda tenho minhas recaídas.



4- Qual é o sexo da criança, de quantos meses você está e qual será o nome do seu bebê?

O sexo é feminino, é uma meninona que por sinal, pelo que vi até agora na ultra 3D é a cara do pai. Estou de 9 meses, ela já está louca pra nascer e o nome será Maria Carol, mas é Maria Carol mesmo! Rs..

5- Você já tinha este nome em mente ou saiu pesquisando bastante na internet e em livros? Se eu tiver um filho, vou ter a maior dificuldade de escolher, sou geminiana, a rainha da indecisão, rs.

Hahahaha, bom, essa questão do nome foi a pior parte de toda a gestação. Eu sempre quis Maria composto de outro nome, mas nunca sabia qual seria o segundo nome da composição, chegamos a escolher Maria Cândida, pois a família do meu esposo leva o Cândida e Cândido como nome composto de todos, meu marido por exemplo é Marcio Cândido, mas por opção dele, ele não quis e decidiu por Maria Carol.

6- Você teve muitos enjoos no começo da gravidez? Como foi isso? Minha mãe me contou que enjoou minha gravidez inteira e sempre no mesmo horário (17h), ou seja, dei trabalho, rs.

Senti, senti muito enjoo, mas só vomitei 2x, acredita? Eu falava que meu enjoo era encubado, rs. Eu enjoava mas não conseguia vomitar, eu chagava a comer as coisas de olhos fechados e tapando o nariz pra não sentir o cheiro, mas tinha que me alimentar. Engraçado que eu enjoei de tudo que era verde, alface, couve, agrião.. tudo! Não tinha horário, era a todo momento. Sofri!

7- É verdade que gravida sente desejo? Ou isso é pura lenda?

Bom, dizem que sim, né? Eu tive desejos, mas desejo de comer o que eu já gostava, mas a vontade era muito, mas muuuuuuuito maior que o normal. Não tive esses desejos malucos de lamber ferro quente, comer tijolo molhado ou coisas do tipo, rs.



8- Hoje que você já está com um barrigão lindo, quais são as dificuldades físicas que você sente?

Todas as dificuldades possíveis, quando engravidei eu já tinha parado de praticar atividades há dois anos e já engravidei acima do peso, então tudo dificulta pra mim, andar, subir escada, tudo me atrapalha e muito, sinto muita falta de ar, dores, me arrependi amargamente de ter parado de praticar exercícios. Aconselho a quem estiver gravidinha a continuar ou começar, lógico, com acompanhamento de um profissional, isso conta bastante.

9- E pra dormir? É complicado? Tem algum truque/posição para conseguir descansar melhor nos últimos meses?

Estou nessa fase de complicação, rs. Dos 6 meses pra cá eu já comecei a sentir um desconforto, dizem que a melhor posição pra dormir é deitada pro lado esquerdo, inclusive minha médica me orientou a isto, e não é que pra mim é a melhor posição? Mas depois que completei 8 meses só consigo dormir meio que sentada porque a falta de ar é muita e a Maria já está um pouco grandinha que o normal e louca pra sair da barriga. As vezes a noite acordo com uns chutes dela que me assustam, rs. Anda bem brutinha essa menina...

10- Um bebê muda radicalmente a vida de um casal. A rotina, prioridades e o controle de gastos. Como você e seu marido estão encarando isso?

E como muda! Como não programamos a gravidez, foi tudo muito rápido e um pouco complicado. Além das nossas vidas, ajustamos a casa toda com obra, pra poder receber nossa princesinha, deixamos de fazer muitas coisas pra controlar os gastos, é aquilo, sentar e colocar em papéis os gastos, evitar outros e bola pra frente. Não é fácil! Mas estamos conseguindo, pra tudo se tem um jeito.



11- Você tem um blog, que por sinal eu entro sempre e gosto do conteúdo. Você pretende trazer pro blog assuntos voltados para as mamães?

Sim, tenho um blog. Atualmente eu não tenho dado "muita" atenção por conta de algumas mudanças e correrias que aconteceram na minha vida nesses últimos dias, mas voltarei (estou dando a minha palavra) a postar frequentemente. Com certeza colocarei assuntos voltados pra Mamães, inclusive tem um pequeno conteúdo lá.

12- Qual é o lado gostoso da gravidez? Quais são as descobertas mais sensacionais?

O lado gostoso da gravidez na minha opinião é o reconhecimento das mexidas do baby, quando só você sente de primeira umas "porradinhas" como se fossem uns soquinhos que eles dão, sabe? É delicioso! Um momento único, porque só quem está grávida pode sentir, nem alguém colocando a mão sente, é por dentro. Deus é muito perfeito. Ah, e os mimos também são sensacionais. Vou sentir muita falta! Hahahaha..



13- E qual é o lado complicado desta fase da vida?

O lado complicado são os desconfortos mesmo, enjoos iniciais, mudanças do corpo, dores, cólicas finais. Acredito que seja só isso.

14- Depois que você descobriu que ia ser mãe, quais foram os medos que você desenvolveu?

Depois que descobri que ia ser mãe, uma pessoa falou uma coisa pra mim que espantou todos os meus medos, que foi a seguinte frase: Nós não vamos nunca fazer nada que seja errado para nosso filho, o amor, a vontade de vê-lo bem é maior que qualquer coisa, então mesmo não sabendo o que estamos fazendo, estamos fazendo o certo. Então hoje não sei o que é ter medo, inclusive pela família maravilhosa que tenho ao lado.

15- A maioria das mulheres engordam bastante quando engravidam. Você engordou muito? De fato a fome aumenta? Conta para nós um pouco disto.

Sobre esse assunto estou um pouco orgulhosa de mim, rs. Engordei 12Kg até o momento, geralmente muitas mulheres engordam 15, 20 e quase 30Kg em uma gestação. No início eu estava certinha engordando 1kg por mês. Com 7 meses eu dei uma "aloprada" e disparei, foi aí que descobri a diabete gestacional. Fui obrigada a controlar com o aparelhinho, furando o dedo, aquela rotina trabalhosa, nesse tempo precisei fazer e ainda estou fazendo uma dietinha, portanto, não engordei tanto assim. Mas vou te falar, a fome aumenta absurdamente, eu já não comia pouco, rs.



16- Eu acho que no dia que eu engravidar (se isso acontecer, claro), o meu maior susto será quando ele chutar dentro de mim, rs. Será emocionante, mas acho que o primeiro chute assusta, rs. Quando isso aconteceu com você, qual foi a sua reação?

É uma sensação sem igual. Eu estava no trabalho, na Globo, tinha acabado de voltar do almoço e senti um chutezinho, aí pensei: será gases? Hahahaha, fiquei meio assim, depois de alguns minutos de novo, logo gritei um amigo meu, o Paulo e falei: Paulo, a Maria mexeu! Hahahaha.. Fiquei muito emocionada, assustada e super feliz. Liguei logo pra família quase toda pra contar a novidade, hahahahaha desde então ela mexe sem parar.

17- Você fará parto normal ou cesariana? Foi uma escolha sua?

De início eu queria cesariana, eu tinha um receio de sofrer de dor. Com 7 meses a Maria já virou e está encaixadinha pra nascer, a médica disse que eu teria um parto normal super tranquilo e foi me acalmando, agora mudei, quero um parto normal, independente da dor, ela já está bem encaixadinha. É melhor pra mim e pra ela. Minha recuperação tem que ser rápida, não moro muito próximo dos meus pais e é chato ficar dependendo e "atrapalhando", eu não gosto, sou muito elétrica e ficar em uma cama com pontos vai ser sacrificante pra mim, mas seja o que Deus quiser, mas a minha preferência continua para o parto normal.

18- Quais são os primeiros valores que você vai querer ensinar para a sua filha?

Educação, caráter e humildade. Foram os primeiros que meus pais me ensinaram e sou grata até hoje, por tudo.



19- Nosso mundo está tão confuso, violento e destrutivo. Não dá um certo medo trazer uma vida pra ele? Eu nunca tinha pensado nisso, até que uma amiga minha que era casada e ainda não tinha engravidado, fez essa reflexão.

Pensando por este lado da um certo medo sim, a gente faz de tudo pra dar o bom e o melhor, ensinar, educar mas a vida ensina de outra forma, as pessoas não são boas e iguais a gente. Infelizmente vou me preocupar muito com isso e tentar fazer com que ela seja uma mulher de personalidade e tenha conclusões próprias, pra não se deixar influenciar por outras pessoas. O mundo pode ser o mais sujo que for, mas se a gente tiver próprias opiniões e conhecimento do que é certo e errado, não entramos nessa sujeira. E se pensarmos sempre nessa reflexão, não vamos ter filhos nunca.

20- A partir de quantos meses você acha que já deve fazer o quarto do bebê?

Acredito que a partir do quarto mês já está bom, o bebê já está seguro, quase todo formadinho, é uma boa hora. Comigo foi assim.



21- Depois que você descobriu que estava grávida, quais foram os cuidados estéticos que você teve que começar a tomar?

O bom e saudoso óleo de amêndoas no corpo todo, eu não usava sempre mas agora não deixo de usar um dia sequer. Parei de beber refrigerantes também por conta das estrias, dizem que ajuda.

22- Dizem que grávida não pode tomar sol, porque pode manchar a pele. Você mora no Rio de Janeiro, cidade maravilhosa e de sol radiante. E aí? Como lidou com isso?

Exato, na minha gestação fui pouco para a praia, tipo umas duas vezes, e quando fui passei muito protetor solar e ficava embaixo do guarda sol. Não me fez muita falta, porque eu já sentia muito calor, na praia então, por mais que tenha ído ao mar pra refrescar, eu ficava 5 minutos na areia e sofria, então preferia ficar em casa, rs.. acredita? Logo eu que sou apaixonada por praia. O que isso resultou? Falta de vitamina D nos meus exames! Pois é.. Cá estou nos suplementos. É sempre bom pegar um solzinho, MENINAS!



23- Você teve que aumentar o fator de proteção solar após a gravidez?

Eu aumentei por escolha própria, mas ninguém me indicou não. Usava mesmo pro dia a dia. É bom prevenir.

24- Seu médico(a) proibiu o uso/consumo de algo (fora cigarro e bebida)?

Não, mas eu assim que engravidei já sabia o que podia ou não, ou o que era ou não bom comer, tipo, comida japonesa, alimentos crus, carne mal passada, coisas muito apimentadas, entre outros. Minha médica é maravilhosa e boazinha, mas tudo nos conformes, até porque eu não dei muito trabalho e também eu comunicava ela sempre quando tinha alguma dúvida. Ela sempre me orientava mas proibir, proibir não.


Fiz a entrevista antes da Maria Carol nascer. Olha ela aí, gente! Linda!

25- Muitas mulheres se sentem bem bonitas gravidas, com toda beleza a flor da pele, outras se acham horrível, detestam a aparência. E você? Como se sente?

Eu me senti a mulher mais maravilhosa do mundo! Óbvio, tirando as partes escuras do corpo que vão ficando, tipo o pescoço, virilha, axila e claro a minha linda e bela escova progressiva foi pro beleléu, hahahaha.. voltei a ser escrava da prancha.

26- Vamos sair um pouco do assunto gravidez e nos render levemente para as nossas vaidades? Diz aí: Qual são seus cinco produtos de cosméticos mais favoritos da vida?

Eu não me considero uma mulher 100% vaidosa, assumo gostar muito e admirar aquelas mulheres que sabem tudo sobre maquiagens, tipo você, Alaninha! Mas vamos lá, alguns que eu gosto: 1. Bloqueador solar da Episol Color com efeito base, 2. Rímel da Natura Aquarela, embalagem marrom, 3. Base Super Stay 24 da Maybelline, 4. Iluminador facial da Mary Kay, 5. Pó compacto - número 6 - mel da Avon.

27- Você poderia eleger os três batons que você mais ama?

1. Batom cor boca 60 - Avon;
2. Batom líquido 6 Sisssone Matte - Pro Dailus;
3. Brilho labial sem marca de preferência.

Nunca tive batons de muita marca, na verdade sempre achei minha boca enorme e tinha uma certa vergonha de usar, ultimamente estou perdendo essa palhaçada, rs..

28- Quais são os seus cuidados básicos com suas madeixas?

Faço progressiva duas vezes ao ano e a famosa massagem em casa mesmo 1, 2x por semana, dependendo da situação do cabelo. A minha cabeleireira faz uma escova que já hidrata e quase não danifica, maravilhosa!

29- O que não pode faltar dentro da sua bolsa de jeito nenhum?

Creme hidratante! Sabe como é pele morena, né? Qualquer coisinha fica russa, hahahahahaha. Não largo os cremes por nada.



30- Qual conselho você daria para as mulheres que ACABARAM de descobrir que estão grávidas?

Eu posso dizer que aproveitem cada minuto, curtam bastante cada dia, cada crescida de barriguinha, pois passa muito rápido, parece que foi ontem que descobri que estava com 4 SEMANAS, hahaha. Já estou com 9 meses, é surreal, sinto que curti, mas ao mesmo tempo que não curti o suficiente, sabe? Então curtam muito, tirem bastante fotos, namorem a barriguinha e aproveitem os mimos, porque na fase final vem o desconforto e logo mais, as atenções são todas do baby!



31- Por fim, poderia nos dizer uma frase que remete esta sua nova fase e uma música que já cantou para sua filha, em um momento só de vocês, mesmo com ela ainda dentro da sua barriga?

Bom, eu sempre fui muito baladeira, então ao invés de deixar uma frase, gostaria de deixar aqui um pequeno texto que eu escrevi falando sobre esse momento da minha vida, hoje, em uma sexta-feira a noite: "Alguns meses atrás, a essa hora em uma sexta, eu estava me arrumando, colocando a melhor roupa, salto e indo curtir a noite. Hoje, estou com corpinho de gravidinha, ausentei temporariamente o salto, as pernas estão inchando constantemente e mesmo assim estou feliz, muito feliz. Foi a escolha que fiz pra minha vida, e essa vida de balada eu voltarei a ter no momento e a hora que eu quiser, a vida não acabou ontem, hoje e não acabará amanhã. Quem faz a vida ser boa e bem vivida somos nós. Serei mãe sim, mas aquela que saberá dar total atenção, educação, amor e carinho ao ser que colocarei no mundo, a minha filha, e aquela que saberá viver e curtir as noites que a vida proporciona mesmo com ela ao nosso lado."



Posso listar mais de uma música? Rs.. Lá vai..

Nx Zero - Pedra Murano

Karynna Spinelli - De Nanã Ewá (como uma boa umbandista!)

Existem outras, mas essa são as que mais tenho cantado ultimamente.



-------------

Sa, adorei todas as respostas e a forma que você aprofundou em todos os detalhes. Ficou um conteúdo muito bacana, que adorei postar aqui no blog. Que Deus abençoe a sua família e que a Maria Carol tenha um futuro lindo, com muito amor.

Mil vezes obrigada e PARABÉNS!

0 comentários:

Postar um comentário

procure aqui!

PRAZER, LANA!

<b>PRAZER, LANA!<b></b></b>
Sejam bem-vindas (os) ao Vaidade Sem Frescura! Um blog com dicas de beleza com foco em cosméticos, feito por Alana Benevides, uma vaidosa completamente apaixonada pelo mundo encantado das feminices. Será compartilhado neste espaço muitas resenhas sobre produtos diversos com sinceridade, leveza e uma pitada bem caprichada de bom humor.

Aproveitem o conteúdo!

 
vaidade sem frescura - 2015 • logotipo Evandro Ambrozi • design e código gabi melo