Entrevista com Patrícia Putz



Oi pessoal,

Mais uma entrevista para vocês. Hoje vamos falar de estilo de vida saudável e a nossa entrevistada se chama Patrícia Putz. Conheci a Paty em 2000, quando ela tinha 8 aninhos (olha eu denunciando minha velhice em rede nacional, Brasil! Hahaha). De uns anos pra cá, eu tenho observado nela uma mudança TOTAL de hábitos, seja na alimentação, na prática de exercícios diários e em uma investida bacana no lado espiritual. Ou seja, ela começou a optar por um estilo de vida mais natural, tranquilo e saudável.

Ela começou a compartilhar comigo muitas dicas, principalmente sobre alimentos saudáveis e comecei a perceber em nossas conversas que ao adotar este novo estilo, ela não ficou na mesmice (não mesmo). Patrícia foi atrás de informação, pesquisou bastante, aprendeu a cozinhar para ela mesma, aprendeu a entender sobre os alimentos que ela ingeria e seus reais benefícios, desenvolveu a sua rotina de exercícios, mudanças de hábitos e foi a partir desta percepção que eu pensei: vou entrevista-la.

De fato, eu não errei. Ficou sensacional, até receita ela compartilhou conosco. Portanto, sem mais delongas, vamos para a entrevista!

Ps: Patrícia não é nutricionista e nem endocrinologista. Ela APENAS resolveu mudar e deu muito certo. E é sobre esta mudança tão positiva que conversamos nesta entrevista.

Quem é?



Patrícia Putz Sampaio nasceu em São Paulo, tem 23 anos. Atualmente cursa Arquitetura e Urbanismo na Universidade Presbiteriana Mackenzie (conclusão em Julho de 2016). Super adepta ao estilo de vida saudável.

Vamos para as perguntas!


1- Patty, eu te conheço desde 2000. Você tinha oito anos e não era fã de uma alimentação saudável. Quando você resolveu mudar isso e por qual motivo?

Sempre me senti como a gordinha da turma, mas eu simplesmente não associava o fato de que minha má alimentação tinha algo a ver com isso. Com 15 anos, comecei a buscar informações sobre nutrição e exercícios e, por ser muito nova para me matricular na academia, comecei a subir e descer as escadas do meu prédio (8 andares) por uns 15-20 minutos por dia. Logo isso se tornou uma rotina, fui trocando as escadas por 20 minutos de caminhada rápida (6,5km/h) na esteira e os reflexos começaram a aparecer na minha disposição e auto estima.

2- Hoje vejo que você é muito ligada em sua alimentação, sabendo todas as composições dos alimentos e só ingerindo o que pode te fazer bem. Como você aprendeu sobre essas coisas?

No começo, foi através de revistas especializadas e sempre busquei confirmação do que lia em sites americanos - para ter uma 2ª opinião. Hoje, procuro me manter informada, principalmente, seguindo duas mulheres no Instagram que acho sensacionais: a @ferscheernutri e a @theveggievoice. A Fernanda fala sempre sobre alimentos funcionais e a Alana (sua xará,rs!) é vegana e dá muitas dicas sobre os benefícios de cada alimento.



3- Você é vegetariana?

[ainda] Não sou, hahaha. Como carne de peixe e frutos do mar, mas parei com o resto. Minha irmã é vegana pelos animais (motivo pelo qual parei com a carne e pretendo parar com os derivados de animais), mas tenho uma prima que é vegana pela saúde: ela é campeã mundial de jiu jitsu e diz que vê um desempenho muito melhor em seus treinos desde que parou de ingerir produtos de origem animal.

4- Você já me passou algumas vezes uma receita ótima de suco verde, poderia dividir com as nossas leitoras?

Eu gosto do suco verde bem denso! Minha receita preferida é:

• um punhado (generoso) de salsinha (ou 1/2 pepino);
• 2 folhas de couve;
• 1 limão descascado e sem sementes(inteiro);
• um polegar de gengibre;
• 1 rodela de abacaxi (ou 1 banana congelada, pra fazer tipo smoothie);

Bate tudo no liquidificador e toma.



5- O que você geralmente come no café da manhã, lanche da manhã, almoço, lanche da tarde e jantar?

Eu que preparo minhas refeições e tenho o luxo de poder almoçar em casa antes de ir pro escritório, então é fácil de controlar a quantidade de sal/gordura que vai no que eu como.

Café da manhã: crepioca (ou 2 fatias de pão integral caseiro) com cottage/queijo minas (sem lactose)/tofu orgânico/creme de abacate (salgado) + fruta (banana com cacau), se ainda estou com fome

Lanche da manhã: fruta + fibras - banana com cacau; kiwi; maçã com gotas de limão + chia/linhaça/aveia

Almoço: gosto de salada com 2 fatias de pão com azeite

Lanche da tarde: como estou no escritório, opto pela praticidade das bolachinhas de arroz da Camil (são carbo vazios, mas quase sem calorias também) e costumo passar geleia adoçada com a própria fruta (sem açúcar ou adoçante), banana com cacau (vício meu!) ou cottage sem lactose

Jantar: quando como fora, costuma ser japonês! hahaha e em grande quantidade. Quando janto em casa, costumo ter mais tempo para preparar a comida e tento fazer coisas diferentes: macarrão de pupunha/abobrinha ou cenoura, "hamburguinhos" de vegetais, assados ou repito o cardápio do almoço!

6- Desde que adotou este novo estilo de vida, você emagreceu quantos kilos? Você sente alguma diferença no seu corpo? Qual?

Acho que a maior mudança não foi em kgs - que foram 5, no caso. Faço exercícios desde os 16 anos de idade e academia desde os 18 - com algumas interrupções de uns 6 meses. Como comecei cedo, mantenho um corpo relativamente tonificado, mesmo nos períodos que passo sem exercícios. No entanto, os exercícios fazem com que eu fique mais centrada, equilibrada e feliz comigo e com a vida!

7- Dessas blogueiras que falam de vida saudável, quais são suas preferidas?

Olha, pra ser sincera, não gosto muito de blogueiras, gosto de você e de outras "sem frescura"! Acho que é muito jabá pra pouca coisa que elas acrescentam. Quem mais me incentiva é a linda da @decordesque, que não é blogueira, mas é personal e dá sempre ótimas dicas!



8- Quais exercícios você pratica e com qual frequência?

Gosto muito de corrida e de musculação! O problema é que, quando foco muito em um, começo a descuidar do outro, não tenho muito tempo - com faculdade, estágio e vida pessoal [namorado, rs] -, então raramente consigo treinar os dois e preciso escolher (entre correr ou fazer musculação)!
Na musculação, na verdade o que gosto mesmo são exercícios funcionais (que usam o próprio corpo pra treinar) - acho que dão um resultado bem legal, deixam o corpo magrinho, mas tonificado e você sente sua própria superação sobre si mesma!
Acabo correndo na ida pra academia e gosto do treino de HIIT na esteira, de 10-15 min.
Mas uma coisa que nunca falta na minha rotina: caminhada de 30 min todos os dias e mais 20 min de bicicleta - que na verdade são minha ida e volta da faculdade e estágio. É o jeito que tenho pra me manter minimamente ativa, mesmo nas épocas mais corridas.



9- Qual é o papel da Yoga na sua vida?

Olha, fiz aulas de yoga quando comecei a academia e me encantei! Além de ser naturalmente bem flexível e ter achado algo que eu era "boa" (em realizar as asanas), o que mais gostava era como me sentia na mais completa e deliciosa paz depois das aulas!
Faz anos que parei ($$), mas costumo praticar um pouco depois dos meus treinos e gosto de meditar um pouco antes de dormir.
Como tudo na vida, é difícil de manter uma rotina, mas quando consigo é muito nítido como os resultados são mais paz e equilíbrio na minha vida. Aliás, acho que vou tirar um break das respostas e praticar um pouco agora!



10- Você tem alguma religião?

Me considero Wicca. É uma religião muito bonita, onde acredito na força da natureza e das coisas boas.

11- Na sua opinião, quais são os piores alimentos que existem?

Sorvete! Existem os menos piores, mas no geral eles são cheios de gordura hidrogenada + açúcar (a combinação de açúcar com gordura é a pior possível, porque vicia muito e é tudo de ruim pro organismo).



12- Muitos alimentos vendem a ideia de serem saudáveis, porém não são. Você poderia nos informar alguns exemplos?

Eu diria que a grande maioria dos alimentos industrializados. Podem ser mais práticos, mas aquelas barrinhas de cereais, granolas e cookies "saudáveis" são, na verdade, péssimos! Não costumam ser nutritivos, como prometem e, pelo contrário, são calorias vazias com gordura, açúcares e conservantes.

13- Qual a diferença de diet e light? Pra quem está querendo emagrecer, é melhor optar por qual deles?

Diet é o alimento feito para dietas com restrição de açúcar - para pessoas com diabetes. Não são saudáveis, só trocam o açúcar por adoçante. Light é o alimento com teor de calorias reduzido. Mais uma vez, isso não significa que o alimento é saudável! As vezes precisam usar mais conservantes e outras coisas ruins para o organismo para reduzirem as calorias e você troca 6 por 1/2 duzia - no entanto, no caso de você simplesmente AMAR requeijão (cream cheese e afins), por exemplo, acho válida a troca pelo light - já que são alimentos pobres em nutrientes de qualquer jeito. O que quero dizer é: um pão light não vai ser - necessariamente - melhor que um pão integral multi grãos, por mais que o light seja menos calórico, o integral têm mais fibras.

14- Quais são os lanches saudáveis que você gosta de consumir, lanches que podemos encontrar no mercado, por exemplo?

Saudáveis que você encontra no mercado eu diria que só frutas! hahaha e existem as fáceis de se comer, como a banana, maçã, uvas..
mas dá pra dar uma segurada na fome com as bolachinhas de arroz que eu falei (recentemente descobri uma versão de tapioca que parece ser igualmente ok).



15- Você usa adoçante?

Não. Além de detestar o gosto, ~ pelo que sei (não sou nutricionista) ~ o adoçante dá a falsa sensação de açúcar para o corpo e, depois de comer, a vontade de doce volta como se tivéssemos comido açúcar.

16- Você já ouviu falar na dieta Low Carb? Caso sim, o que acha do método dela?

Já ouvi falar, mas não gosto de dietas restritivas. Acho que tudo o que nos restringe de maneira que não vá ser algo fixo, não funciona. Se quisermos emagrecer e manter isso, a "dieta" precisa ser de comida saudável - sem restrições, apenas com moderação.

17- É verdade que granola é um ''veneninho''?

Hahaha, a maioria delas, sim! Granolas costumam conter gorduras e açúcares em excesso. Visto que deviam ser um alimento saudável, não deveriam ter nenhum dos dois (a não ser que fossem gorduras saudáveis e frutose vinda das frutas, mas em pequena quantidade).


Patricia com sua avó e sua mãe

18- Você é boa na cozinha? Quais pratos você sabe preparar?

Sim! Hahaha
Eu diria que praticamente tudo. Quando você gosta de cozinhar, além de seguir uma receita (quando você ainda não sabe preparar X comida), você desenvolve sua própria comida! Pode ser que as vezes não fique tão bom, mas aí você vai aprimorando e deixando cada vez próximo ao seu gosto.

19- Quais são seus pratos favoritos?

Hmmmmm.. comida japonesa! hahaha e salada com camarão.



20- Qual é o seu restaurante favorito?

Ai, difícil! It Sushi para japonês, Manish para árabe, Myk para grego e Marakuthai para comidas mais temperadas (todos em São Paulo).

21- Na sua opinião, qual é o erro mais comum que as pessoas cometem ao se alimentar?

Comer escondido. As pessoas têm o hábito de comer determinadas coisas só quando estão sozinhas/não se sentem julgadas e elas acabam nem computando o que comeram nesses momentos. Aí ficam "mas eu tenho comido tão certo, como não emagreço?". As vezes temos vícios, como comer um docinho depois das refeições, um pão de queijo de manhã, tomar suco (ou refrigerante!) e por aí vai.



22- Poderia passar uma receita de molho de salada pra gente? (PS: adoro receita de molhos diferentes, rs)

Meu molho preferido não é lá tão saudável, mas é:

• Vinagre balsâmico;
• Azeite extra virgem;
• Uma colher de chá de maionese;
• Um dente de alho cortado ao meio;
• Sal a gosto;

Não tenho as quantidades, mas é só ir juntando e fica perfeito!
Gosto também de molhinhos agridoces, com um pouco de mel!

E, se joga nos temperos: orégano, manjericão e alecrim são chave pra saladas!

23- E sua salada? Pra ser completa tem que ter o quê?

Alface, tomate e cenoura já constituem minha salada preferida!
Aí dá pra adicionar palmito, tomate seco (pouco), azeitonas, pepino, abacaxi (ou outra fruta)...



24- Quem foi a sua grande inspiração para adotar esse estilo de vida saudável?

Eu mesma! Sempre fui muito crítica comigo mesma e quando comecei a me informar sobre como mudar minha aparência (emagrecer), percebi que só eu poderia fazer isso. Não dá pra vontade vir dos outros, precisa vir de dentro.



25- Todo mundo da sua família mantém os mesmos hábitos?

Minha avó materna é uma grande inspiração, com 81 anos de idade ela é extremamente ativa: faz academia 3x por semana, hidroginástica, gosta de caminhar e está sempre se exercitando de alguma forma. Morei com ela por alguns anos e, enquanto eu comia macarrão de jantar, lá estava ela com um baldão de salada!
Minha mãe não é tão saudável assim, mas sempre foi mais rígida com relação à comida (nunca gostei de refrigerante, mas era uma coisa que não tinha em casa - assim como doces e frituras). Toda minha família materna têm ótima genética/saúde e costumam se cuidar de algum jeito.

26- Quando você resolve fazer um dia de lixão e matar a saudade de ''algo gordo'', qual é a sua escolha? A minha é pizza, sem dúvidas!

Hahahahaha, brigadeiro!!! Sou muito crítica com as coisas "ruins" que como, mas se estou com vontade, como mesmo! A diferença é que não como qualquer chocolate ou qualquer brigadeiro: precisa ser lindt (ou semelhante) e precisa ser meu brigadeiro caseiro. Se é pra "estragar", que seja com algo que realmente valha a pena!



27- Eu estou de dieta. E as vezes tenho uma certa dificuldade de escolher qual bebida alcoólica consumir socialmente, já que nunca sei as calorias delas. Você poderia me ajudar nisso?

Não sou boa com calórias de bebidas, porque raramente as consumo - então não me martirizo por isso. Mas acho assim: se você estiver em dúvida de beber 3 caipirinhas ou um montão de cerveja, prefiro as caipirinhas (até porque, não bebo cerveja). Elas podem ter açúcar (sempre peço com pouco, porque em todo lugar eles exageram), mas a cerveja dá aquela estufada - e resulta na famosa barriga de cerveja.

28- Você acredita muito na importância de se alimentar de 3 em 3 horas? Infelizmente eu nunca consigo seguir essa regra.

Acredito! Bom, pelo menos pra mim, foi algo que funcionou.
O grande segredo dessa alimentação é que você come com bastante frequência e não tanta quantidade, então a chance de você ter um "surto" e acabar metendo o pé na jaca total é bem pequena - além de muitos outros benefícios específicos pra mim, que tenho labirintite e pressão baixa.



29- O que você acha do método Dukan para emagrecer?

Já li bastante a respeito e não posso dizer que se encaixa na categoria de "alimentação restritiva" que falei anteriormente porque, por mais que você possa comer apenas determinados alimentos, com o tempo essa lista "permitida" vai aumentando e, pelo que entendi, você pode comer "normal" depois.
Mas, assim, saudável mesmo, pra mim, é você comer bem: frutas, verduras, legumes. Comida de verdade, em quantidade adequada e cheia de fibras e nutrientes.



30- Beber água ajuda a emagrecer de fato?

Não sei, mas ajuda a eliminar toxinas!

31- Você bebe algum líquido durante as refeições? Acha que isso prejudica de alguma maneira?

Não tenho o hábito de beber. Foi algo que li uma vez e me fez mudar (antes eu bebia água sim). Li que não se deve beber nada por meia hora antes das refeições e até 1 hora depois - não sigo mais essa rigidez de horários, mas evito enquanto como e logo depois.
O líquido faz com que os alimentos no estômago "estufem" e isso pode gerar uma série de coisinhas ruins (não quero entrar em detalhes por, novamente, eu não ser nutricionista).



32- Divide conosco alguma receita bacana! Pode ser de um suco, uma vitamina ou um prato simples.

Vou passar a receita pra torta de chocolate mais deliciosa que já comi! Têm cara de gorda, mas é saudável, fácil e MUITO gostosa!

Ingredientes:

3 ovos orgânicos
1/4 de xícara de chá de óleo de coco
3/4 de xícara de chá de biomassa de banana verde
3/4 de xícara de chá de fécula de batata (foi onde usei a farinha de trigo branca orgânica)
1 xícara de mel
170g de chocolate 70% cacau
Uma pitada de sal rosa do himalaia
1 colher de chá de fermento químico

Modo de preparo:
• Derreta o chocolate em banho maria
• Bata os ovos e o mel até crescer um pouco
• Adicione todos os ingredientes, menos o fermento
• Bata até obter uma massa homogênea, depois acrescente o fermento e misture bem

• Forno, 190º, por meia hora (deixei no 220º, por 35 min)

Ganache:

A receita original leva leite de coco, mas eu não gosto.
Então fiz sem e com algumas alterações:

• 100g de chocolate 70% cacau
• 110g de biomassa de banana verde
• 1/4 de xícara de mel

Modo de preparo:

• Derreta o chocolate em banho maria, acrescente os outros ingredientes e misture até ficar homogêneo.



33- Existe algum chá que ajuda no emagrecimento? E algum que é bem diurético?

O que ajuda no emagrecimento é se alimentar bem e praticar exercícios. As pessoas são sempre desesperadas por algo milagroso, que dê resultados sem nenhum grande esforço - mas a vida não funciona assim! hahaha
Chás diuréticos ajudam com retenção de líquidos, que causam inchaços. Mas só. O que gosto de tomar pra essas situações é o chá de cavalinha.
Costumamos reter líquidos na fase da tpm, então, além de beber mais água e chás, é importante tomar cuidado com a ingestão de sal.

34- Muita gente mantém o hábito de tomar água com limão em jejum. Eu faço isso, rs. Você acredita que isso realmente emagrece e faz bem?

De novo, emagrecer é uma coisa bem complexa pra uma água morna com limão. Mas acredito que essa prática limpe o organismo - e deixe ele alcalino. Me sinto muito bem quando tomo!



35- Momento sincerão: O que você acha da Gabriela Pugliesi?

JABÁ, JABÁ, ALGUÉM FALOU EM JABÁ?? Hahahaha
Brincadeiras a parte, acho que não dá pra confiar em nada do que se vê ou lê com essas blogueiras (já ouvi cada história de amigos meus que frequentam as mesmas academias que ela...).
O que acho legal e não posso negar é que, de um jeito ou de outro, ela incentiva as pessoas a se tornarem saudáveis.



36- Quais são os cuidados que você tem com a sua pele?

Gosto de lavar o rosto quando acordo (com sabonete contra oleosidade) e depois passo protetor solar. Não uso maquiagem, mas volto pra casa com o rosto imundo - por ter andando na rua. Lavo novamente e reaplico o protetor pra tarde.
Antes de dormir eu passo bepantol com hipogloss na região dos olhos e boca.
No corpo, costumo sempre hidratar com cremes.



37- O que não pode faltar em sua bolsa?

Canetas, caderno, protetor solar de rosto e óculos de sol.

38- Você ouve alguma música enquanto pratica Yoga?

Sim! Gosto de ouvir músicas animadas, mas que me relaxem. Minha preferida pra esse momento é Swimming - Florence + the machine.
Raramente ouço músicas próprias pra Yoga, mas gosto delas pra momentos de maior introspecção na prática.



39- No momento, quais são seus batons favoritos?

Ixi! Só hidratantes labiais!

40 - Vejo muitas mulheres buscando uma magreza excessiva. De onde você acha que surgiu isso?

Acho que da nossa necessidade constante por aprovação. Com o Instagram (e outras redes sociais) e os "likes" que recebemos, acho que ficamos ainda mais críticas com nós mesmas e as fotos evidenciam cada detalhe e "imperfeição". Então, num mundo governado por isso, acabamos nos fixando em coisas que nem fazem sentido - como essa busca por uma magreza excessiva.



41- O que você acha desta nova moda de "culto ao corpo" que está predominando em nossa sociedade?

Acho muito boa! Mas, como na pergunta anterior, acho que as coisas em excesso são prejudiciais. O bom do culto ao corpo é trazer uma maior consciência sobre a saúde e um fácil acesso à informações - aí, acho que cabe ao nosso bom senso fazer ou não algo com isso.

----------------


Obrigada, Patty! Por responder tantas perguntas com muito carinho. Isso só enriquece mais e mais o nosso espaço!

Adorei todas as respostas e o molho da salada eu vou fazer amanhã!

Um beijo e continue me ajudando a ter uma vida mais saudável, seja me ensinando mais de 15 vezes como faz um suco verde ou me alertando que aquele lanchinho que eu postei no Snapchat dizendo que era saudável, na verdade, de saudável não tinha nada.

Valeu demais!

Um beijo.

0 comentários:

Postar um comentário

procure aqui!

PRAZER, LANA!

<b>PRAZER, LANA!<b></b></b>
Sejam bem-vindas (os) ao Vaidade Sem Frescura! Um blog com dicas de beleza com foco em cosméticos, feito por Alana Benevides, uma vaidosa completamente apaixonada pelo mundo encantado das feminices. Será compartilhado neste espaço muitas resenhas sobre produtos diversos com sinceridade, leveza e uma pitada bem caprichada de bom humor.

Aproveitem o conteúdo!

 
vaidade sem frescura - 2015 • logotipo Evandro Ambrozi • design e código gabi melo