Entrevista com Manuela Bramont

Como muitas pessoas devem ter percebido, a minha parceria com a Manuela Bramont terminou em Janeiro de 2016. Não brigamos, não rolou voadora, nem babado, confusão e gritaria. Não mesmo. A breve experiência que tivemos juntas foi muito bacana. Ela me acrescentou muito e espero que eu tenha ensinado alguma coisa para ela também. Foi uma troca muito prazerosa. Uma parceria recheada de compreensão, paciência, flexibilidade e muito carinho.

Separamos porque ela buscava um objetivo e eu outro. Desejo a Manu todo o sucesso do mundo, de coração.

Assumindo o Vaidade Sem Frescura sozinha, resolvi trazer um conteúdo diferente para o blog, que vai além das resenhas sobre cosméticos. Resolvi trazer histórias interessantes, entrevistas com pessoas legais, que podem nos oferecer através das suas respostas, um conteúdo bacana, diferente.

Em consideração a Manu, por ela ter feito parte do Vaidade Sem Frescura, mesmo que por um curto espaço de tempo, resolvi postar a entrevista dela primeiro.

Vamos lá?

Entrevistada: Manuela Bramont



Bio: Baiana, 28 anos, formada em Relações Públicas pela Unifacs, maquiadora profissional com certificado da escola Liceu de Maquiagem de São Paulo.


Vamos para as perguntas:


1- Manu, como a maioria do público do Vaidade Sem Frescura percebeu, nós iniciamos uma sociedade ano passado e ela foi desfeita recentemente, porque buscávamos objetivos diferentes. Você buscava um sonho profissional. Você pode nos falar um pouco sobre esse sonho? O que você busca?


O meu foco é ir além da maquiagem social, fazer minha pós em Cosmetologia, entender mais sobre produtos e a formulação deles. Quero fazer minha carreira na indústria da beleza em conjunto com a maquiagem.


2- Você é formada em Relações Públicas, já teve experiências profissionais e passou um tempo estudando para concurso. Em qual momento você percebeu que poderia largar tudo e seguir uma carreira de maquiadora? O que te motivou?

Percebi quando as pessoas realmente começaram a me procurar, a marcar maquiagens, achando inclusive que eu era profissional da área. Falava sempre que fazia isso porque gostava, mas vi nisso tudo uma oportunidade de negócio. Foi crescendo, fiz meu curso profissionalizante no Liceu de Maquiagem e o que mais me motivou a persistir foi o fato de não estar feliz estudando pra concurso. Estudava mais por necessidade de passar em algo, do que sonhar em ser servidora pública.


3- Você fez um curso na escola Liceu de Maquiagem em São Paulo, uma escola muito conceituada no ramo. O que você pode nos contar sobre esta experiência?

O Liceu é uma grande escola. Poder estar em contato com profissionais super competentes, conhecer pessoas novas, fazer amigos, olhar a maquiagem sob uma nova ótica foi uma experiência maravilhosa. Fiz o curso modular, indo uma semana por mês pra São Paulo, durante quatro meses.


4- Qual foi o seu maior aprendizado na escola Liceu de Maquiagem? Com certeza você tem inúmeros, mas se pudesse eleger o maior, qual seria?

Certeza que foram muitos, mas o principal é que não precisamos de uma infinidade de produtos e “mão pesada” na maquiagem para ficarmos mais bonitas.


5- Qual o conselho que você dá para homens e mulheres que querem virar maquiadores profissionais futuramente e por algum motivo, ainda não investiram em seu sonho?

Em primeiro lugar, se for um sonho, um objetivo MESMO, que invistam e coloquem toda a sua vontade nisso. O mercado da beleza é promissor, sobretudo no Brasil, mas não adianta estar nele só visando o lucro. Eu trabalhei muito tempo com o que não me fazia feliz e hoje em dia percebo a diferença gritante do meu bem estar antes e atualmente.


6- As redes sociais possuem uma grande força hoje. Elas de fato ajudam a divulgar o seu trabalho ou o boca a boca ainda é a ferramenta mais forte, na sua opinião?


Os dois tem uma força absurda. Por mais que você entre num perfil e goste de um trabalho de um maquiador, é ótimo receber uma indicação de uma amiga a respeito dele. Acho que só reforça e dá mais confiança ainda de procura-lo.


7- Qual blogueira e qual maquiadora profissional inspira você?

Victoria Ceridono e Vanessa Rozan.


8- Vamos para a pergunta que todo mundo gosta de saber: Quais são seus batons favoritos?

Açaí da coleção Julia Petit pra MAC, 10 Lips Hot, da Dailus e Ruby Woo da MAC.


09 - Tudo na vida tem seu lado positivo e negativo. Existe algo de negativo na sua profissão? Exemplos: Concorrência não saudável, horários, abdicar de seus finais de semana para trabalhar, dores na coluna?

Sempre tem. Comecei a sentir dores de coluna que não sentia antes (kkkk), muitas vezes não posso ir a eventos sociais ou familiares porque estou com a agenda cheia, mas no final tudo compensa.


10- Queria que você elegesse: 1- A melhor base, 2- O melhor pó compacto, 3- O melhor blush, 4- O melhor iluminador, 5- O melhor lápis de olho, 6- O melhor delineador, 7- A melhor máscara de cílios, 8- O melhor primer, 9- E as melhores sombras ou paletas.


1- Face and Body, MAC.
2- Uso mais o pó solto HD da Make Up For Ever - Sephora, apenas pra tirar o brilho nas áreas que precisam.
3- Adoro o blush Warm Soul da linha Mineralize da MAC.
4- Iluminador Soft and Gentle da linha Mineralize da MAC.
5- Preto – Toque de Natureza e Marrom – Sephora Collection
6- Tenho adorado a caneta delineadora da Maybelline
7- Voluminous Carbon Black, da Loreal.
8- Primer L'OrEssence D´Eclat da Guerlain.
9- Adoro a Naked 2 da Urban Decay e a The Nudes da Maybelline



11- Quais são os tipos de maquiagem mais solicitados pelas suas clientes?


Geralmente elas preferem um olho mais chamativo e a boca mais discreta. Cílios postiços quase sempre estão presentes também.


12- Qual tipo de delineado você acha mais elegante?


O clássico gatinho sem muitos exageros, rs.


13- Qual é o batom mais pedido pelas suas clientes?


Não tem o nome de uma cor ou marca. Como disse antes, o nude ainda vence na batalha dos batons.


14- Você é maquiadora profissional da cidade de Salvador. Poderia nos informar quanto você cobra em média em uma maquiagem ou você só fornece esse tipo de informação no contato direto com a cliente?


Prefiro conversar diretamente com a cliente.


15- Quais dicas você pode nos dar para fazer a maquiagem durar mais?


Usar um bom primer pro rosto e olhos, além de um ótimo fixador de maquiagem no final.


16- Você teria algum truque de maquiagem para dividir conosco?


Sempre amei peles iluminadas, mesmo antes de maquiar profissionalmente. Adoro usar o Strobe Cream da MAC antes da base. Passo principalmente no osso das bochechas, onde gosto mais de iluminar.


17- Você já misturou dois batons diferentes e o resultado da mescla deles deu um resultado incrível? Caso sim, quais foram?


O 10 Lips Hot da Dailus e o Hue da MAC por cima, somente no centro dos lábios. Fiz um post sobre essa mistura e as meninas amaram!


18- Qual batom você acha mais arrasador para usar a noite? E qual você acha ideal para ir trabalhar? E para nossas vaidosas noivas, qual você indicaria para subir ao altar?

Batom, na minha opinião, traduz estado de espírito do momento. Acho que não existe mais regra do que DEVE ser usado para trabalho, noite ou até pra casar. Já vi noivas casando com batom mais escuro, meninas que no seu dia a dia usam e abusam do colorido, mas desde que seja com bom senso.


19- Por fim, você poderia nos dizer uma frase te inspira?


A primeira frase que me vem na cabeça é sempre essa: “Quanto mais a gente doa, mais inteiro a gente fica”.


---------------


Muito obrigada pela entrevista, Manu!

Eu te desejo toda sorte deste mundo e pode contar com o Vaidade Sem Frescura sempre.

Beijos,

0 comentários:

Postar um comentário

procure aqui!

PRAZER, LANA!

<b>PRAZER, LANA!<b></b></b>
Sejam bem-vindas (os) ao Vaidade Sem Frescura! Um blog com dicas de beleza com foco em cosméticos, feito por Alana Benevides, uma vaidosa completamente apaixonada pelo mundo encantado das feminices. Será compartilhado neste espaço muitas resenhas sobre produtos diversos com sinceridade, leveza e uma pitada bem caprichada de bom humor.

Aproveitem o conteúdo!

 
vaidade sem frescura - 2015 • logotipo Evandro Ambrozi • design e código gabi melo